Otimizando as linhas de Produção na FABRICAÇÃO

SITUAÇÃO

No setor manufatureiro, as linhas de produção são compostas por várias máquinas, cada uma das quais executa uma tarefa específica.

Um produto que está sendo fabricado só completará o seu ciclo de produção quando tiver passado, em uma ordem pré-definida, por todas as máquinas que compõem a linha de produção. A configuração das máquinas pode variar, dependendo da forma como diferentes produtos são processados.

Cada produto possui um tempo de processamento e uma ordem de entrada diferentes em cada máquina. Além dessas variáveis, ocorrências externas e problemas relacionados à linha de produção também podem exigir uma mudança no plano de produção.

Para otimizar toda a cadeia de produção em relação à prioridade e tempo, é essencial que a ordem correta de processamento dos diferentes produtos seja identificada e que quaisquer situações críticas possam ser gerenciadas em tempo real.

DESAFIO E SOLUÇÃO

A complexidade das diferentes linhas de produção, o número de montagens envolvidas, as prioridades de produção e as restrições associadas aos vários processos representam um grande número de variáveis na contextualização do problema e o torna muito complicado de resolver, sobretudo, do ponto computacional. Portanto, torna-se necessário usar “solucionadores” de otimização específicos que contribuam com a resolução de problemas multidimensionais em um tempo muito curto.

Esse tipo de otimização é definido como um Problema de Agendamento de Tarefas.

OS BENEFÍCIOS DA COMPUTAÇÃO QUÂNTICA

O uso da tecnologia quântica permite que as linhas de produção mais complexas sejam gerenciadas de acordo com as restrições e prioridades de processamento, sem afetar o tempo necessário para a resolução do problema.

As tecnologias quânticas permitem que o planejamento do trabalho de uma linha de produção inteira seja reprogramado quase em tempo real, uma vez que as várias máquinas envolvidas no processo são gerenciadas simultaneamente.